Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Maxi(mizar) o final de carreira

por P1nheir8, em 18.06.15

 

Depois de estar resolvida a questão do treinador, há outro tema que tem dominado a atenção dos Benfiquistas nestas últimas semanas - o processo de renovação de Maxi Pereira. O lateral uruguaio é visto como um jogador à Benfica, que deixa a pele em campo, adorado pela massa adepta, mas está a poucos dias de acabar contrato com o Bicampeão Nacional e ainda não há nenhuma certeza se fica ou se sai.

 

Esta é uma questão que já deveria estar resolvida há algum tempo, ou para renovar ou para se procurar um substituto. Ao que parece, o interesse na renovação sempre foi mútuo e até Rui Vitória veio dizer que espera que esta história acabe com a renovação do sub-capitão da equipa. O jogador sempre deu a entender o mesmo, que queria continuar no clube. Com este arrastar de tempo, é normal que tanto o jogador como o seu empresário tentem jogar ainda mais com as “suas armas” e fazer render tudo o que puderem para o seu lado. É aqui que entra o empresário Paco Casal. Este senhor já desviou um jogador que estava no Benfica e depois assinou pelo Porto, e que na anterior renovação fez com que o Benfica tivesse de comprar um pack de 5 jogadores uruguaios, em que nenhum se aproveitou e que muito prejuízo deu. Muito por causa dele, esta renovação ainda não se concretizou. Estando o jogador uruguaio na Copa América as coisas complicam-se ainda mais.

 

Muito do que está a ser jogado nesta altura é a questão de Maxi sair para um grande rival em Portugal e Paco Casal tem usado isso como argumento a seu favor. O jogador do Benfica disse tanto na entrevista ao jornal A Bola como à BTV, que não se vê a jogar por outro clube em Portugal, mas que nunca se sabe o que pode acontecer no futuro. Maxi deixa uma porta aberta para o que pode acontecer, caso não chegue a acordo com o Benfica, porque, como o próprio diz, é profissional e tem de pensar em muitas coisas, além da afinidade pelo clube. O que o Benfica não pode tentar fazer passar para os seus adeptos, é que o jogador disse que não aceitava jogar pelos rivais, porque na entrevista à BTV, gravada bem antes da Copa América começar, eles já sabiam o que ele tinha dito, e que voltou a dizer ao jornal A Bola mais recentemente.

 

Mais uma vez, parece que a estrutura do Benfica não acreditava que Maxi fosse algum dia colocar a hipótese de jogar por um dos rivais em Portugal, mas estavam enganados, assim como aconteceu com Jorge Jesus. Agora, segundo as noticias que têm saído, estão a tentar de tudo para renovar o contrato, colocando valores mais altos em cima da mesa.

 

Continuo a achar que o Benfica deve tentar ao máximo renovar com o jogador uruguaio, pois ainda é um elemento muito importante no plantel, que muito tem rendido nestes últimos anos, mas quero sobretudo ver este assunto rapidamente resolvido, renovando ou não. Deve-lhe ser dado um prazo para ele aceitar ou não a proposta do Benfica, que, aos 31 anos e com os supostos 3 anos propostos no contrato, permitir-lhe-á ficar no clube até aos 34, e com um bom salário, coisa que eventualmente já não irá valer daqui a 3 anos.

 

Dizer também que sou completamente contra o Benfica estar a oferecer mais salário e prémio de assinatura ao Maxi só para evitar que ele vá para um rival, e assim sucumbir perante chantagens, tanto do empresário como possivelmente do jogador. A proposta terá de ser adequada ao rendimento, idade e importância no plantel, e nem mais um cêntimo, pois já será bem alta. Caso não aceite o valor que lhe é oferecido, cada um segue a sua vida e o Benfica continuará e irá procurar um substituto.

 

Este é mais um caso que independentemente do seu desfecho, mostra que o ídolo do adepto deve ser o símbolo que os jogadores trazem ao peito, e que esta nova vaga de adeptos teima em perceber.

 

Ps: Maxi, caso vás embora, quero só agradecer-te pelo que me deste enquanto representaste o Benfica.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:33








Sobre nós

Do futebol ao hóquei, do basquetebol ao voleibol, uma visão livre, imparcial e plural do Sport Lisboa e Benfica.



Contacte-nos por e-mail


Licença Creative Commons


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D