Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Direitamente para o 11

por P1nheir8, em 24.06.15

 

Com a cada vez mais falada saída de Maxi Pereira do Benfica, é a altura em que se perfilam substitutos para o seu lugar. Com esta indefinição e a cada dia que passa, os bons jogdores são mais dificeis de contratar e o seu preço sobe. Nélson Semedo tem potencial, mas ainda está longe de ter o que é preciso para ser o titular no Benfica. André Almeida pode lá jogar, mas não creio que será a opção número um para esse lugar. Há ainda a situação de Sílvio, que não se sabe se ainda é do Benfica ou vai regressar ao Atlético de Madrid. Apresentamos aqui vários nomes que seriam boas contratações para o lugar, tendo em conta a qualidade dos jogadores e também os preços, visto que esta não parece ser altura de despesas na ordem dos muitos milhões de euros por um defesa, apesar de que a qualidade terá sempre preço. Os valores de mercado que usamos são os do transfermarkt, mas os bons jogadores custarão sempre mais que isso.

 

Thomas Meunier (Club Brugge) -  Lateral internacional belga de 23 anos, que este ano fez a melhor época da sua carreira no Club Brugge, onde é treinado por Michel Preud'homme. Mede 1.90m, e isso é uma das suas mais valias como jogador, pois ajuda e muito nas bolas paradas. Apesar da sua altura, consegue ser um jogador rápido, com a sua passada bem larga. É um lateral com bastante técnica, típico da escola belga. Sobe muito bem no terreno, conseguindo desequilibrar muito as equipas adversárias, quer através de lances onde consegue ganhar a linha e cruzar, como em lances em que com a sua técnica consegue flectir para dentro ultrapassando os adversários e onde tenta várias vezes o remate ou o passe para a desmarcação de um colega. Faz também bons passes longos a partir da defesa. É um jogador adulto e, apesar dos seus 23 anos, já mostra muita maturidade e experiência. A defender é difícil passar por ele, as suas pernas longas conseguem fazer inúmeros desarmes e antecipações. Precisa de melhorar um pouco o seu posicionamento em campo, perceber quando deve ou não fechar por dentro ou abrir, e perceber melhor quando deve ou não subir para não desequilibrar a equipa. Esta época fez 46 jogos, marcou 2 golos e fez 7 assistências. O valor de mercado ronda os 4.5 M de euros.

 

Sébastien Corchia (Lille) – Este lateral francês é um jogador que há muitos anos toda a gente ouve falar, e que desde cedo começou a dar nas vistas. Na época passada foi para o Lille, e na primeira parte da temporada jogou muitas vezes a médio direito, mas é a lateral que ele mais rende, e onde se fixou na restante parte da época. Com 24 anos, o jogador francês de 1.76m pode fazer tanto o lado esquerdo da defesa como o direito, mas é no lado direito que se sente mais confortável. Corchia ataca muito bem, muito bem mesmo, a sua técnica de cruzamento é muito boa, assim como a sua capacidade por passar pelos adversários enquanto ganha metros pelas linhas. A defender é bastante concentrado, é bom tacticamente e no desarme. Tem problemas ao nível dos lances aéreos, derivado à sua altura e também falha alguns passes. Esta época fez 45 jogos, marcou 3 golos e fez duas assistências. O seu valor de mercado é de 4.5 M de euros.

 

Omar Elabdellaoui (Olympiakos) – Lateral internacional norueguês de 23 anos, que esta época deu muito nas vistas no Olympiakos, depois de ser uma das revelações da Bundesliga quando jogava no Eintracht Braunschweig. É um lateral que tem grande vocação ofensiva, e pode jogar a médio, posição onde começou a carreira e deu nas vistas, mas é a lateral que se tem fixado. É muito rápido, tem uma velocidade e aceleração fora do comum, e quando embalado em velocidade, passa facilmente pelos adversários. Consegue ir com a bola controlada no pé a grande velocidade e tem bastante técnica, quer ao nível do drible, passe ou cruzamento. Aparece também muitas vezes em zonas de finalização. A defender é bastante agressivo, principalmente em situações de um para um. Na época que terminou, fez 32 jogos, marcou 1 golo e fez 4 assistências. O seu valor de mercado é de 2.75 M de euros.

 

Elseid Hysaj (Empoli) - Lateral internacional albanês de 21 anos, que joga no Empoli. Este é mais um lateral que, assim como Corchia, pode jogar em ambas as laterais, joga bem com ambos os pés, isso não é grande problema para ele. É muito forte fisicamente, e rápido. É um grande defensor, muito competente nesse aspecto, e é muito difícil passar por ele. A atacar não é tão bom, precisa de desenvolver um pouco mais o seu jogo, e conseguiu melhorar esta época, mas pode melhorar mais. Esta época fez 38 jogos e fez duas assistências. O seu valor de mercado é de 3.8 M de euros.

 

Mayke (Cruzeiro) – O lateral brasileiro de 22 anos, desde o ano passado que é muito conhecido em Portugal, pois já foi por diversas vezes ligado ao interesse de Benfica e Porto. Não é muito alto, mede 1.78m, mas é um jogador muitíssimo rápido, e com fulgor para 90 minutos em constante alta rotação. É o típico lateral da escola brasileira, muitas vezes comparado ao Maicon, que brilhou no Inter. A atacar é uma autêntica locomotiva em andamento, quando vem embalado ganha quase sempre a linha, através da sua velocidade e técnica. É muito forte também nos capítulos do cruzamento e do passe, onde faz muitas assistências para golo. A defender não consegue ainda ter o mesmo nível que a atacar, pois facilita muitas vezes, e é várias vezes ultrapassado, por ainda se posicionar mal a defender. Precisa de jogar mais simples, pois muitas vezes perde-se em fintas e mais fintas. Esta época tem 14 jogos até ao momento, e conta com 3 assistências. O seu valor de mercado é de 5 M de euros.

 

Marcos Rocha (Atlético Mineiro) – É a par de Mayke o melhor lateral direito do campeonato brasileiro. O internacional brasileiro de 26 anos, é mais experiente que os outros nomes até agora avançados. Como quase a totalidade dos laterais brasileiros, a atacar é muito forte. É também um lateral que faz todo o corredor, com grande pulmão para o jogo todo. Ganha inúmeras vezes a linha de fundo, de onde faz bons cruzamentos para os seus companheiros. A maior diferença com Mayke, é que é muito melhor defensor. Defende bem, e tacticamente é evoluído. Aos 26 anos e depois de já há muito tempo essa possibilidade estar em aberto, pode ser a altura de dar o salto para a Europa. Está lesionado, e por isso apenas tem 5 jogos este ano, onde tem uma assistência. O seu valor de mercado é de 5 M de euros.

 

Djibril Sibidé (Lille) – Lateral francês de 22 anos, com 1.82m de altura. É mais um lateral do Lille que pode fazer as duas laterais da defesa, e esta época jogou mais vezes na lateral esquerda que na direita. É um jogador com muita raça, e muito rápido, onde ganha constantemente os duelos em velocidade. Defende bem ao posicionar-se bem no campo, sendo difícil ser ultrapassado pelos adversários. É também bom no jogo aéreo, onde ganha muitas bolas. No ataque faz muito cruzamentos. Precisa de não falhar tantos passes, e perceber melhor para onde os deve fazer. Na época que terminou fez 32 jogos, onde marcou 2 golos e fez duas assistências. O seu valor de mercado é de 3.5 M de euros.

 

Aissa Mandi (Stade Reims) – Lateral internacional argelino de 23 anos. É mais um lateral que pode jogar em ambos os corredores, mas é na direita que mais rende. É um lateral muito poderoso fisicamente, que faz disso uma das suas principais armas. É muito bom a defender, no desarme é mesmo muito forte. É um jogador um pouco duro e precisa de controlar um pouco as suas entradas. Não é super dotado tecnicamente, mas também aparece muito bem na frente a rematar. Na época que findou, fez 33 jogos, marcou 6 golos e fez duas assistências. O seu valor de mercado é de 4 M de euros.

 

João Pedro (Palmeiras) - João Pedro é um lateral brasileiro de 18 anos que muito deu nas vistas no Mundial de Sub20 que recentemente acabou. Fez 17 jogos  a titular pela equipa do Palmeiras na época passada no campeonato, onde marcou um golo, golo esse que foi muito importante para a equipa na vitória frente ao Grémio por 2-1. No Mundial que agora terminou, foi de muito longe, o melhor lateral direito da prova. Assim como a grande maioria dos laterais brasileiros, é muito bom a atacar. Tem bastante técnica, tanto para conseguir ultrapassar os seus adversários, como técnica de passe e de cruzamento. Passa o jogo em constantes subidas e descidas pelo seu corredor, pois tem grande resistência. É também um jogador muito raçudo, que não vira a cara à luta. Tem outro ponto forte, que é a capacidade de jogar bem com os dois pés, quer com a bola em andamento, quer ao cruzar ou rematar. Também não me pareceu em momento algum, ter aqueles tiques de vedeta, que normalmente estes jogadores brasileiros apresentam nestas idades, quando sabem que são muito bons, e ser principalmente um jogador de equipa. Acho-o parecido ao Daniel Alves na sua forma de jogar, embora não seja tão bom a atacar e a cruzar, como é óbvio. Parece-me que será o próximo grande lateral direito brasileiro. Precisa de evoluir ainda em vários aspectos, mas tem enorme talento. Seria eventualmente uma opção de futuro, mas não sei até que ponto não chegaria ao Benfica e pegaria de estaca. O seu valor de mercado é de 1.25 M de euros.

 

Zappacosta (Atalanta) – Lateral direito italiano de 23 anos, que é titular da selecção italiana de Sub21. É um jogador que joga a lateral, mas também pode jogar a médio, no entanto é a lateral que mais rende. É um lateral com grande vocação ofensiva, ataca muito bem pelo seu corredor. Não é muito forte no drible, mas consegue muitas vezes durante o jogo ganhar a linha de fundo e aparecer em situações de cruzar ou rematar. Cruza bem e é bom no capítulo do passe. A defender, e como a grande parte dos jogadores da escola italiana, é bom. É difícil ser ultrapassado, tanto em velocidade como através de dribles dos adversários. Está a dar-se a conhecer à Europa do futebol neste Europeu de sub21, apesar da boa época que fez na Atalanta. Na época passada fez 30 jogos a titular e marcou 3 golos. O seu valor de mercado é de 4.5 M de euros.

 

Mediante estes nomes, que seriam sempre boas opções, as preferências seriam para Thomas Meunier, Corchia, Omar Elabdellaoui ou Zappacosta, tendo em conta o que poderiam render já, o seu valor como jogadores e o pouco período de adaptação.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:39








Sobre nós

Do futebol ao hóquei, do basquetebol ao voleibol, uma visão livre, imparcial e plural do Sport Lisboa e Benfica.



Contacte-nos por e-mail


Licença Creative Commons


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D